segunda-feira, 23 de abril de 2018

Síndrome de Borderline? Você sabe o que é?

Você já passou pela situação de estar perto de alguém que você desconhece que possa estar passando por uma situação grave como esta? Hoje vou falar sobre a Síndrome de Borderline.


Vou fazer um resumo de tudo que eu li e aprendi na internet sobre isso. Não sou médica. Se eu falar alguma besteira, por favor, me perdoem e me corrijam. Sei que é uma situação muito delicada e muita gente pode se sentir atingida de alguma forma com o que eu falar. E caso você se identifique, conte seu caso... desabafar ajuda e eu darei o meu melhor para lhe ajudar! 😉👍

A Síndrome de Borderline é também conhecida como Transtorno de Personalidade Limítrofe e é caracterizada por um padrão de emoções com instabilidade emocional, sensação de inutilidade, insegurança, impulsividade, mudanças súbitas de humor (euforia e tristeza profundos num só dia), gastar dinheiro descontroladamente, comer compulsivamente, desorganização, medo de rejeição e abandono, compulsividade,  abuso de álcool e drogas, irritabilidade e agressividade, medo de ser abandonado por amigos e familiares (por isso geralmente eles se afastam de todos e preferem o isolamento), dificuldades em aceitar críticas, hora de sono irregular, etc. 

Geralmente estes sintomas começam a se manifestar na adolescência e se tornam mais freqüentes no início da vida adulta, até mesmo em função da cobrança gerada pela chegada da idade adulta. Em casos mais graves, pode ocorrer a automutilação e até mesmo o suicídio. Por esta razão é necessário que o “border” seja acompanhado por psiquiatra e terapeuta. 

A Síndrome de Borderline está intimamente ligada à predisposição genética mas no entanto, experiências emocionais fortes quando criança, enfrentamento de doença ou morte de familiar muito próximo, separação dos pais e outras causas também podem levar ao desenvolvimento desta Síndrome. 

Somente o médico poderá fazer o diagnóstico correto e dar o suporte necessário. O tratamento é realizado com o uso de medicamentos antidepressivos, estabilizadores de humor e calmantes que devem ser indicados pelo médico psiquiatra. Além disso, é recomendável que tenha um acompanhamento com um terapeuta para poder lidar com as suas emoções negativas e saber lidar com seus momentos de estresse. Em raríssimos casos a pessoa pode melhorar sem qualquer tratamento mas só terá a ganhar se puder contar com o apoio médico e terapêutico.    
Achei muito interessante esta lista de dicas que podem ajudar àqueles que são portadores de Borderline:

Como posso ME ajudar se eu tiver a Síndrome de Borderline?

Embora possa demorar algum tempo, você pode sim melhorar com o tratamento. Para se ajudar:

  • Fale com o seu médico sobre as opções de tratamento e siga as orientações.
  • Tente manter uma rotina estável de refeições e horas de sono.
  • Pratique atividades relaxantes ou exercícios físicos para ajudar a reduzir o estresse.
  • Defina objetivos realistas para você.
  • Quebre grandes tarefas em pequenas e defina algumas prioridades. Metas menores são mais fáceis de serem atingidas e geram maior engajamento e motivação.
  • Tente passar algum tempo com outras pessoas e confiar em um amigo ou membro da família.
  • Diga aos outros sobre eventos ou situações que podem desencadear sintomas.
  • Espere que seus sintomas melhorem gradualmente com o tempo, não imediatamente. Seja paciente!
  • Identifique e procure situações, lugares e pessoas que transmitam conforto a você.
  • Continue a ler, estudar e educar-se sobre este transtorno.
  • Não beba álcool ou use drogas ilícitas – provavelmente irá piorar as coisas.

    Aconselho este vídeo que trata muito bem do assunto e dá excelentes dicas:

Espero que este texto possa ajudar de alguma forma – seja algum portador de Borderline, familiar ou amigo. No que eu puder ajudar, conte comigo que darei sempre o meu melhor. Que Deus nos abençoe e proteja todos os que, de alguma forma, estão distanciados da fé pois é ela quem nos fortalece o coração.

Mel



sábado, 24 de fevereiro de 2018

Não dá mais, Brasil...



Há algum tempo atrás, publiquei uma nota chamada "DESAPEGO" onde conto as fases de decisões para sair do Brasil. Hoje assisti a uma reportagem da SIC Portugal mostrando a quantidade de brasileiros que têm vindo para Portugal. Invariavelmente fico emocionada com as histórias contadas - é o MEU país - nasci e fui criada em Copacabana (Rio de Janeiro) por 54 anos e vivo em Portugal há quase 2 anos - muitíssimo feliz, obrigada!

Entretanto, muita gente pensa que é fácil sair do nosso ninho. Muitos falam que "foram abandonados" por mim, que "agora sou chique porque moro na Europa", etc. Mas se esquecem de que é preciso muita coragem para finalizar este projeto - saber que está vivendo em um local onde você fica destinado à sua própria sorte, não sabe se vai continuar viva no quarteirão seguinte ao da sua casa. Tudo isso é um somatório de razões para ir embora. E a opção NÃO É VOLTAR.

Deixei muita gente que amo muito no Brasil, muitos amigos, parentes e animais. Mas foi uma decisão tomada na hora certa, com a pessoa certa e no local exato. Agradeço a Deus por isto.

Que Deus ajude a este país tão lindo, cheio de riquezas naturais, de uma comida incomparável e de um povo tão querido! Claro que quero o melhor para o Brasil! Continuo na torcida por você, meu verdinho querido! 💖😅
Assista ao vídeo na minha conta pessoal do Facebook.

Beijão
Mel

domingo, 15 de outubro de 2017

SuperHost Figueira da Foz!


https://www.airbnb.pt/rooms/18909563?s=51
Hoje fui agraciada com o selo de SuperHost Figueira da Foz pelo Airbnb, isto quer dizer que alcancei a meta de bom atendimento dos meus hóspedes! 😅 Isto me deixa muitíssimo feliz - dos 15 grupos de hóspedes que recebi, todos foram unânimes em dar nota máxima ao meu apartamento, ao atendimento, etc. Dos 17, 1 era do Booking (que fechei a conta porque não gostei do atendimento) e uma hóspede não fez a avaliação (apesar de ter dito que adorou tudo)... 😇
Eu estou AMANDO tudo isso e em breve teremos novidades no Mel's Home! 😍

Beijinhos e fiquem com Deus!
Mel

domingo, 6 de agosto de 2017

Constelação Familiar - Já fez a sua???

Hoje eu "constelei" - fiz a minha Constelação Familiar com a Dra. Paula Sentieiro aqui na cidade da Tocha - Portugal. Posso lhe dizer que eu fiquei completamente extasiada de poder participar da minha constelação e de outros que estavam constelando. A sensação é indescritível e eu aconselho profundamente a TODO MUNDO que faça sua constelação ou ao menos participe de uma.

A grande maioria que me conhece, sabe que sou espiritualista e o que vi hoje vai muito além disso pois envolve TODA a família (incluindo antepassados distantes) e a espiritualidade atua de forma impressionante, dando a certeza de que tudo vai muito além deste plano em que vivemos.

Imagine que você é um astro no planeta. Seu pai e sua mãe são os astros principais porque foi através deles que você veio ao mundo. Filhos, avós, bisavós, tios, irmãos - são planetas que ficam "orbitando" em torno de um mesmo astro - você. O que aconteceu com algum descendente seu vai interferir diretamente na sua órbita planetária. Tá difícil? Pois... Vou tentar explicar de maneira mais simples e direta - imagine você estar olhando para um palco e você vê a SUA VIDA sendo encenada na sua frente por pessoas que nunca te viram, não sabem absolutamente NADA sobre você, demonstram reações que muito provavelmente seriam as que você ou seu familiar expressaria. Tudo energeticamente "montado" e espiritualmente formado para chegar ao âmago da questão. É simplesmente LINDO e emocionante - chorei rios de lágrimas tanto na formação de constelação de outras pessoas quanto na minha. Sem palavras a Deus para agradecer tamanha oportunidade e especialmente a minha amiga Helena Rama que foi quem me indicou!

Se tiver oportunidade, faça a sua Constelação - você não vai se arrepender! E depois volte aqui e conte pra mim se não foi realmente uma coisa absurdamente LINDA de se viver... e aprender...

Grande beijo
Mel

terça-feira, 11 de julho de 2017

Airbnb - quero lucrar com meu imóvel. Como fazer???

https://www.airbnb.pt/rooms/18909563

Oi, gente!

Algumas pessoas possuem apartamentos inteiros ou mesmo apenas uma parte da casa e não sabem que poderiam estar faturando alguma grana com a locação. Eu optei pelo Airbnb - depois de estudar os sites que oferecem este tipo de serviço, achei que é o mais confiável, cuida bem do pagamento das hospedagens, remete a grana assim que o hóspede faz o check-in, além de oferecer um site com acesso fácil ao calendário, suas reservas, regras da casa, etc.
Além de ser um site onde você pode alugar partes ou todo seu apartamento (casa), é muito fácil conseguir estadias em locais no mundo inteiro por preços relativamente bem melhores que nos hotéis.

Entre neste link e verifique se seu espaço está qualificado para ser um Alojamento Local em Portugal.

Vou tentar fazer um passo-a-passo do que precisei para ter meu apartamento legalizado e oferecendo rendimentos, lembrando que estou residindo em PORTUGAL e vou seguir o que for determinado por Lei para ter meu Alojamento Local devidamente registado:

1. A primeira coisa a se fazer é escolher o local que pretende arrendar - escolhido, faça a decoração de forma simples e bonita. Imagine-se sempre como sendo um hóspede e se pergunte o que desejaria ter naquele local para usufruir. Aqui em Portugal, a Ikea é imbatível para se comprar a maioria do mobiliário. Fiz um grande apanhado de preços e consegui a maioria na Ikea e alguns móveis e colchões no Móveis Silvério que é aqui mesmo em Figueira da Foz. A roupa de cama e banho, escolhi que queria de qualidade e bom preço - optei pela Zara com a linha Básica.
Vista da sala de jantar e de estar
Quarto laranja

2. Paralelamente à decoração, você deve ir fazendo o registo do local que pretende arrendar. Você pode utilizar a ferramenta online para isto através do Balcão do Empreendedor. Feito isso você provavelmente receberá um número de Registo através do seu e-mail que deverá ser utilizado quando fizer a sua página no Airbnb ou no site que você escolher. Alguns dias depois de eu ter feito o registo (e apesar de no Portal do Cidadão dizer que é gratuito), recebi um e-mail da Câmara Municipal de Figueira da Foz solicitando fosse pago o valor de €160 para que procedessem à vistoria do imóvel. Este valor varia muito de região para região e alguns nem cobram, mas eu aconselho terminantemente a não abrir seu negócio sem ter tudo documentado e registado.

3. Para funcionamento do seu Alojamento Local (AL), é necessário que siga algumas regras. É bom que se dê uma olhada neste documento que informa quais os itens que deverão haver em seu AL mas principalmente:
a) Extintor e manta de incêndio acessíveis aos utilizadores;
b) Equipamento de primeiros socorros acessível aos utilizadores;
c) Indicação do número nacional de emergência (112) em local visível aos utilizadores (eu coloquei atrás da porta de entrada) - estes 3 itens eu comprei numa loja aqui da minha cidade mas esta loja online oferece por um preço muito bom tudo que você precisa.
d) Livro de Reclamações - eu comprei na Associação dos Comerciantes de Figueira da Foz mas você pode comprar online como por exemplo aqui. Não deixe o livro à disposição pois se tiver crianças, poderão usar para pintá-lo. Coloquei o aviso num corredor dentro de uma moldura, assim todos os adultos terão acesso.
 4. A estreia do Alojamento ocorreu algumas semanas atrás e, graças a Deus, tem sido bastante elogiado e presto muita atenção na atitude dos hóspedes quando entram e, na saída, verifico se têm alguma sugestão. Desde a inauguração já coloquei algumas amenidades que podem ajudar na estadia dos hóspedes e na vontade de retornarem ao meu apartamento e que são:
- apoio para bagagens (paguei 38€ o de faia na loja Elfra);
- toalhas de praia;
- cafeteira elétrica com um saco pequeno de café, açúcar em pacotinhos e coador para a máquina;
- torradeira elétrica;
- 1 galão de 6 litros de água mineral;
- amenidades para o hóspede - comprei na loja online Maxima
Amenidades
5. Deixe preparado para os hóspedes não residentes em Portugal, um boletim que deve ser preenchido e enviado para o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras em até 3 dias úteis após o check-in. Veja maiores detalhes aqui. Para tanto, ofereço aos meus hóspedes um formulário que será preenchido quando da sua chegada no AL. 
Boletim de Acomodação
Siga os passos indicados na página da SEF para fazer o registo de seu AL e, posteriormente, enviar os boletins de seus hóspedes. Aconselho vivamente a escolher o método de envio "Inserção Direta no Portal" - eu havia escolhido inicialmente upload de ficheiro imaginando que poderia enviar o boletim preenchido mas não é isso - é para ser enviado um arquivo *.DAT. que não tenho a menor ideia de como se fazer um.

6. Check-out >>> hora de fazer o recibo para entregar ao seu hóspede. Deve ser feito no valor TOTAL recebido pela reserva e não descontando a taxa referente ao Airbnb. Você deve estar registado no Portal das Finanças, assim como seu Alojamento. No meu caso, sou isenta do IVA e, portanto, esta é o caminho que sigo para emitir o recibo:

- Portal >>> Cidadãos >>> Obter >>> Recibos Verdes Eletrónicos
LINK
Faça seu login e depois clique em EMITIR > Fatura ou Fatura-Recibo

Preencha com os dados da hospedagem.

No meu caso, eu marco estas duas opções:
- Regime do IVA (Regime de isenção art. 53.º)
- Base de incidência em IRS (sem retenção - art. 101, n.º 1 do CIRS)

Imprima o recibo e entregue ao seu hóspede. No caso dele ser português, você precisa do nome completo, endereço e NIF.

Pronto! Agora você pode comemorar sua hospedagem! :D

Após o check-in, o Airbnb libera o pagamento integral de sua hospedagem que deverá aparecer onde você optou - eu preferi receber diretamente na minha conta-corrente e, neste caso, leva em torno de 3 dias úteis.

Espero ter sido útil. Caso tenha alguma dúvida ou tenha visto algo que por acaso falhei na orientação, deixe nos comentários que procurarei responder sempre que puder! Boa sorte! ;)

Mel

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Meu cachorro comeu uma estrela do mar!

Meu Pretim - amor da minha vida!
Estrela do Mar que meu nego comeu...
Há uns dias atrás, ganhei da senhora que faz limpeza em minha casa 3 estrelas do mar pois ela sabia que eu iria fazer um quadro com conchas e estrelas. No dia que ela chegou, meu cachorro ficou por demais interessado na estrela - mostrei a ele e ele queria pegar com a ponta da boca. Cheirei as estrelas e vi que tinham um cheiro horrível e não poderiam ser utilizadas no quadro daquela forma. Pesquisei na internet e verifiquei que elas deveriam ser colocadas em álcool isopropílico por uns dias, além de serem bem lavadas com água e sabão. Fiz isso mas de nada adiantou - peguei as estrelas e deixei secando no sol para devolver a ela quando voltasse. Apesar de muito bonitas, não havia a menor condição de deixá-las em um ambiente fechado tamanho o mau cheiro que exalavam.
Hoje pela manhã, eu estava no computador quando meu cachorro chegou mastigando alguma coisa e eu estranhei porque já havia passado a hora dele comer. No segundo CREC, percebi que era a estrela. Fiz menção de abrir a boca dele para retirar e ele começou a ficar MUITO bravo - trancou a boca de tal jeito que não havia nada que fizesse ele devolver a bendita! Eu e meu marido nos revezávamos entre tentar abrir a boca, dar uns tapas (hahahahahahaha porque não tinha mesmo jeito!), ralhar com ele e nada dava certo. Eu me aproveitei de um momento que ele tentou morder meu marido e coloquei minha mão quase inteira dentro da boca dele para ver se conseguia retirar o que ele estava comendo e PIMBA! Lá estava metade da estrela do mar na metade posterior da garganta - mais um sopro e ele iria engolir ela daquele jeito!
Depois de umas palmadas e uma bronca bem dada, ele ficou de castigo e eu tentando me acalmar, mas comecei a procurar na internet se alguém já tinha passado por aquilo e achei uns dois casos que me deixaram mais preocupadas porque diziam que o cachorro começou a ter problema nas fezes.
Liguei para a veterinária dele que não sabia dizer qual o grau de periculosidade dele ter engolido meia estrela mas sugeriu que eu o levasse numa clínica a fim de forçar o vomito - o que não fiz.
Meu cachorro parece um gato - ADORA leite! Me lembrei que todo mundo que sofre algum tipo de envenenamento deve tomar bastante leite, então coloquei uma vasilha com bastante leite e deixei que ele se fartasse.
Ficamos observando e, graças a Deus, nada aconteceu. Ou o leite deu realmente certo ou não fez mal comer a bendita estrela.
Via das dúvidas, aconselho que procure o veterinário de seu cão e veja quais os conselhos oferecidos. É numa dessas que podemos perder o nosso bichano de estimação!
Todo cuidado é pouco porque são como crianças e não vão conseguir se defender sozinhos.

Beijinhos
Mel

quinta-feira, 23 de março de 2017

Menopausa e como ela afeta você...

Para quem não me conhece, sou a Mel - tenho 55 anos e esta foto aí de cima foi tirada em um momento íntimo com meu marido pouco tempo atrás enquanto estávamos conversando sobre os sinais que o tempo produz em nosso rosto e corpo e o quanto isso nos (ou seria melhor dizer ME) afeta. Foto feita por ele  no momento em que passo os cremes em meu rosto para "tentar" retardar o envelhecimento.

Por volta dos meus 47/48 anos, comecei a acordar com o travesseiro encharcado de suor. Parecia que eu tinha tomado banho pois meus cabelos estavam completamente molhados, mesmo eu dormindo com ar condicionado em torno dos 20ºC. Na visita feita à minha ginecologista, ela me recomendou que começasse a utilizar o método de reposição hormonal - já havia ouvido falar bastante sobre isto, pesquisado na internet os prós e contras e não tinha uma opinião formada sobre o assunto. Como ela me acompanhava a vários anos, ouvi com atenção, sentei com meu marido e ouvi sua opinião e resolvi adotar o método - método este que me acompanha desde então (cerca de 8 anos).

Entre os sintomas da menopausa, reuni os que estavam na página do MDSAÚDE e que me atacaram de frente, que são:
  1. Suores noturnos - senti muito antes de iniciar a reposição hormonal.
  2. Distúrbios do sono - sempre tive. Nunca percebi que estivesse ligado à menopausa. Tomo medicamento para dormir e tenho um sono muito agitado, acordo várias vezes e muito cedo. Tentei "desmamar" quando vim para Portugal mas é o mais difícil.
  3. Menstruação irregular - quando iniciei a reposição hormonal, já quase não menstruava - era aquela "borra de café" que invariavelmente resolvia aparecer.
  4. Depressão - como a menopausa apareceu num período tumultuado em que minha mãe também estava doente, também não percebi que estivesse ligada à menopausa. Infelizmente fiquei tomando anti-depressivos durante muitos anos e só consegui "desmamar" cerca de 8 meses atrás quando me mudei para Portugal.
  5. Ansiedade - sempre tive, desde que me conheço por gente. Sou extremamente ansiosa e detesto que as coisas não saiam como espero.
  6. Alterações de humor - em geral tenho o mesmo humor - se estou chateada, dificilmente vou ficar alegre. No geral, sou uma pessoa alegre e feliz.
  7. Secura vaginal - geralmente ocorre no climatério (antes de você não menstruar mais) e pela deficiência do estrogênio. Um creme lubrificante sempre vai ajudar. Depois da última menstruação, você nem vai se lembrar disso.
  8. Redução da libido - em função da secura vaginal, algumas mulheres se negam a ter relação com medo de sentir dor. Vai depender do parceiro e da paciência dele em te ajudar.
  9. Memória fraca - é também em decorrência da diminuição do estrogênio. Mais comum se você estiver deprimida ou cansada. Eu acho que sempre tive memória fraca!  😂 hahahahahahaah
  10. Dificuldade na concentração - é óbvio que se você estiver fazendo algo que te interesse muito, você consegue se concentrar. Não tive dificuldade de concentração apesar de também estar ligado à baixa de estrogênio.
  11. Dor nas articulações - eu sempre malhei muito e só parei depois que vim para Portugal. Também ligado à baixa de estrogênio, atinge a maioria das mulheres. Digo que estou ficando "crocante" pois cada passo que dou faz CROC, CROC... 
  12. Pele seca - é o danado do estrogênio atacando outra vez! Cremes! Muitos cremes de manhã, de tarde e à noite! Vamos falar sobre isso depois, mas a sensação é de que a cara da gente está se dissolvendo! 😨
  13. Queda de cabelo - causada por quem? Falta de estrogênio, claro! Tem cabelo meu para tudo que é lado! Cabelo seco, quebradiço... nunca foi bom (eu confesso!) mas tem cabelo meu até na flor que meu marido planta na varanda de casa.
  14. Unhas fracas - Disso não posso me queixar... no Brasil eu tinha sérios problemas com minhas cutículas e precisava que tirassem sangue para eu achar que não tinha nenhuma pele me machucando. Aqui em Portugal, tentei fazer unhas de gel mas minhas unhas crescem muito rápido e acabei desistindo - numa outra hora vou mostrar para vocês como conviver sem tirar cutículas e manter as unhas sempre bonitas, limpas e aparadas.
  15. Ganho de Peso - eu era muitoooooo magra quando era menina! Com 20 anos eu tinha 1.65m e 45kg! Aos 40 anos cheguei ao meu peso excelente e foi quando estava mais bonita - pesava 55kg. Hoje estou pesando 67kg roubados! Ou seja, engordei pra burro com a menopausa!
  16. Desequilíbrio e tonturas - fato! E adivinhe quem é o vilão? Estrogênio, claro! Ano passado mesmo tive sério problema de vertigens - hoje acordei um pouco tonta como se alguém estivesse puxando a calçada enquanto caminho. Percebo que isto está ligado ao meu sistema nervoso - se estou mais ansiosa, piora.
No site da Pfizer, encontrei alguns mitos e verdades sobre a reposição hormonal, que são:

A reposição hormonal auxilia no tratamento da osteoporose VERDADE
Sim, pois a reposição estrogênica previne a perda de massa óssea que pode aumentar em até 30% após a menopausa, diminuindo risco de fraturas.
A reposição hormonal é benéfica em caso de doenças cardiovasculares VERDADE
Sim, a TRH inibe a formação da placa de ateroma ao reduzir os níveis de colesterol total e da fração LDL, conhecido como o “colesterol ruim”.
Toda mulher na menopausa precisa fazer terapia de reposição hormonal MITO
Não. Para cada mulher é recomendado um tipo de medicamento específico, em cada caso.
Sintomas como desconforto, ardor e infecções vaginais melhoram com o TRHVERDADE
Esses sintomas costumam ser amenizados a partir da terapia hormonal indicada pelo ginecologista
A terapia hormonal aumenta as chances de adquirir um câncer de endométrio DEPENDE
A mulher que tem útero e faz reposição hormonal com estrógeno sem associar progesterona tem risco muito aumentado de desenvolver esse tipo de câncer.

Ou seja, pelo sim, pelo não, vale o que seu médico(a) de confiança lhe disser e que você esteja a vontade com isso. Eu faço reposição hormonal há 8 anos. Faço anualmente todo check-up, eco-mamária, análises clínicas e do coração, etc. Não me arrependo de ter iniciado a reposição hormonal e não tenho ideia até quantos anos será feita - é uma simples pílula que tomo pela manhã, diariamente. E conforme você pode ter notado acima, acho que só obtive benefícios com a reposição. Porém cada caso é um caso e SEMPRE consulte seu médico - não tente seguir o que lê na internet ou se auto-medicar pois isto pode trazer consequências muito desagradáveis e até levar a morte.

Uma das coisas que vem me incomodando bastante é a rapidez com que envelhecemos. A pele do rosto e do corpo parece que não acompanham a cabeça da gente - parece que vamos "dissolvendo". É um termo ruim mas infelizmente é assim que me sinto na maioria das vezes. Sei que não podemos ficar com cara de mocinha o resto da vida, mas a danada da papada é uma coisa que me aborrece profundamente e que tão logo eu possa, vou mandar ela para o espaço e fazer um lifting de rosto! 😂

Um beijinho carinhoso e espero que tenha ajudado você de alguma forma.

Mel

sábado, 18 de março de 2017

Página de Cartões no ar!


Já faz algum tempo que eu gostaria de recolocar a minha página de cartões de volta e hoje finalmente consegui! 😌
Vocês já podem enviar o cartão de sua preferência inclusive para WhatsApp.
Espero que gostem e, por favor, me avisem se encontrarem algum erro.
Beijinhos
Mel
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...